14/11/11

Dia 20 apaguem-se as luzes e a ver se o Mexia aprende o que é esforço equitativo

Transcrevo a informação que circula pela Internet e que apela a um boicote nacional à EDP no próximo dia 20 deste mês. Eu, por mim, já tenho uma velas à mão. Para o boicote, e para quando não houver "almofada" para pagar a factura.

«Vamos utilizar o nosso poder. Dia 20 de Novembro às 15.00 horas. A EDP já teme os prejuízos desta medida na escala dos vários milhões de portugueses, que estão conscientes do abuso a que estão sujeitos. Já recebi este e-mail 17 vezes nos últimos dias. Continuem a partilhar». «A EDP mantém um nível de lucros totalmente incompatível com o estado do país e com os sacrifícios exigidos a todos nós. A EDP tem mais poder que o Governo de Portugal e conseguiu (vá-se lá saber por que vias) impedir uma medida que visava minorar os brutais aumentos da energia que se estão a verificar - e que vão, certamente, aumentar ainda mais os ditos lucros». «A EDP mantém um monopólio (não de jure, mas de facto) uma vez que a concorrência não oferece aos consumidores domésticos (por exemplo) taxas bi-horárias». «Proposta: no dia 20 de Novembro de 2011, às 15:00, a nível nacional, vamos, todos nós consumidores domésticos, desligar tudo durante uma hora (os nossos congeladores aguentam mais do que isso quando há uma «anomalia» na rede que nos deixa sem energia e as baterias dos nossos portáteis também)». «Vamos repetir a acção até a EDP ter de nos pedir para parar com a coisa. Na qualidade de bons cidadão, que todos somos, pararemos mas só se os preços forem ajustados de forma a que os lucros da EDP se acertem pelo razoável, pelo socialmente justo e pelo moralmente correcto. Se gostarem da ideia, espalhem. Veremos no que dá».

12 comentários:

F disse...

'tamos nessa!

Receio que daqui a uns tempos iremos todos precisar de almofadas!

sem-se-ver disse...

às 15h? mas às 15h ninguem está em casa!! às 15h? é de dia, vamos só desligar electrodomésticos, não tem grande impacto. às 15h? devia ser à noite, aguentando-se o inconveniente durante 1 horita, porque aí, sim, a edp ressenter-se-ia, e davam uma belas reportagens televisivas de um país às escuras.

Blondewithaphd disse...

Dia 20 às 15.00! Combinado! Mas se fosse à noite era mais "visível"...

Ana Cristina Leonardo disse...

Não sejam divisionistas. Eu, pessoalmente, não me importo de desligar a coisas às 15h e às 20h. Aliás, não tarda muito, e é o que nos irá acontecer...

F disse...

O que já aconteceu foi isto:
http://blogscraps.blogspot.com/2011/11/e-ir-ensaiando-o-tacto.html

Ana Cristina Leonardo disse...

Fiat Lux, porra!

João Lisboa disse...

Agora roubei eu!

(de facto, à noite era melhor - fica para a 2ª investida que isto só com uma não vai lá)

Fado Alexandrino disse...

Não vai dar em nada, como facilmente se percebe.
Há aquela história da borboleta bater as asas na Austrália e o resto já se sabe.
Não sou técnico mas o eventual colapso da rede poderia, sei lá, matar umas dezenas de doentes nos Hospitais mas que este é um protesto giro muito fracturante lá isso é.

Ana Cristina Leonardo disse...

Fado, essa sua atitude não é absolutamente nada pró-activa; ainda lhe cortam a luz

Fado Alexandrino disse...

Obrigado.
Não faz mal, desde que chegue um ou dois Kws anémicos que alimentem o PC para ter Internet tudo bem.
Foi para essas emergências que se inventaram as conservas.

fallorca disse...

Cum camando...

Anónimo disse...

às 15 h ??? é mesmo de tuga, resultado igual a zero, a edp a rir-se, não contem comigo a não ser que tenham uma explicação para as 15 h, têm????