23/08/13

Eu sei que um simulacro não é um espectáculo 3D

Para que fique claro. Fazer um simulacro do incêndio do Chiado para assinalar a data de um coisa que aconteceu MESMO, causou danos irreparáveis na cidade e na vida de centenas de pessoas (memórias, edifícios, empregos que desapareceram para sempre...), é tão estúpido e demonstra tanta sensibilidade como as irmãs do outro a lançarem as cinzas do morto no metropolitano de NY. Às vezes dou por mim a pensar que há uma estupidez tipicamente portuguesa...

Notícia aqui.
A partir daqui

3 comentários:

F.A. disse...

Eleições.
O povinho quer circo.
Vão ter.

samartaime disse...

Um raio que os parta, às eleições e ao povinho. Não há pachorra

margarida disse...

Finalmente! Já imaginava que fosse só eu a pensar que aquilo foi de um tremendíssimo mau gosto.
Como mudar o nome a Pedras Rubras.
Ele há gente com uma sensibilidade do carago...