11/01/12

Os pelos púbicos de Catroga* ou aumentem-lhe o ordenado e ficamos todos a ganhar: ele, o país e os pobrezinhos!

“50% do que eu ganho vai para impostos. Quanto mais ganhar, maior é a receita do Estado com o pagamento dos meus impostos, e isso tem um efeito redistributivo para as políticas sociais”.
Sobre os pelos púbicos de Catroga, aqui.

10 comentários:

Carlos Azevedo disse...

Inacreditável!

(refiro-me às declarações; quanto ao resto, já não me suprende)

alf disse...

Mas que boa ideia! Está encontrada a solução para a crise! Aumenta-se os ordenados a toda a gente e desta forma as receitas do Estado aumentam e acaba-se a crise.

Este tosco recebe um ordenado pago pelos portugueses, fica com metade e acha que está a "redistribuir" o dinheiro?

jj.amarante disse...

É a árvore das patacas, o ordenado deste magnífico economista cai do céu, fixando-se na árvore das patacas que tem andado esquecida. Daí é facilmente colhido, indo metade par o bolso dele e outra metade para o bolso dos contribuintes! Que sorte que temos todos nós, foi descoberta finalmente uma forma de pagarmos menos impostos!

Leonor disse...

Ainda bem que existem delituosos a apontar este sítio.

cs disse...

e quando ele chorou com pena do futuro dos portugueses
É tão triste este País.

Paulo Gil disse...

Não estará Eduardo Catroga, com a sua sofística retórica de autodefesa, a criticar subliminarmente quem defende cortes salariais??? ... É que não me ocorre nada mais inteligente para justificar tamanha barbaridade...

Ana Cristina Leonardo disse...

paulo gil, o problema de tentarmos ver inteligência nos estúpidos é que acabamos sempre a perder... a estupidez não tem limites, enquanto a inteligência chega ali a um certo qi e entope...
:-)

henedina disse...

A estupidez, a arrogância e a insensibilidade.
1º elogio a PPC - ainda bem que não o escolheu para ministro das finanças, mas foi o governo que preside (Relvas?) que o escolhe como "chairmen" da EDP.

Anónimo disse...

A porra é que cada centimo ganho por Catroga e outros tais, é um pintelho que se nos enrola na glote...

Ana Cristina Leonardo disse...

Ó anónimo, percebo onde quer chegar, mas essa imagem é horrível!!!