23/08/10

Chamar os bois pelos nomes ou ainda dos ciganos porque ele há coisas que me xaringam mesmo o juízo

[...] Na Europa, que é o nosso mundo, o governo francês continua com a sua política de repatriação de ciganos romenos. A imprensa ajuda sendo eufemística — ninguém usa a expressão "limpeza étnica" — ou incorreta — aqui ou ali vai aparecendo a expressão "imigrantes ilegais".
Vamos ser rigorosos sobre o que isto é e o que não é. Não, não se trata de imigrantes ilegais: os cidadãos romenos são comunitários e têm direito à livre circulação pelo território da União. E, sim, isto é uma limpeza étnica, ou seja, uma expulsão de um dado território de uma população circunscrita por critérios étnicos.
Como seria de esperar, a Itália de Berlusconi já manifestou vontade de seguir o exemplo francês. Quando a Croácia entrar na União Europeia, até 2012, ouviremos discursos sobre o caminho que ela fez desde as limpezas étnicas dos anos 90. Da maneira que as coisas estão, parece-me que é antes a UE que vai aderir à Croácia dos anos 90.
O que a França está a fazer é ilegal, uma clara violação dos tratados e do espírito fundamental da União Europeia. A Comissão Europeia, que é suposta ser a "guardiã dos tratados", não se insurge. Durão Barroso está silencioso. Dá-se tempo a que Sarkozy faça o seu número para as sondagens.
Rui Tavares, aqui (para assinantes), lido aqui à borla
[a fotografia veio daqui, site onde há informação que baste sobre o genocídio dos ciganos durante a II Guerra]

5 comentários:

João Gonçalves disse...

Ana... hoje tive o prazer de conhecer - porque se me apresentou - a Lurdes Féria, alguém que, sem termos, temos em comum. Gostei muito dela e como sei que ela vem aqui, aqui fica. E deixe lá os ladrões e as ladras em paz. Não é por serem ciganos - veja a Ava Gardner em Barefoot Contessa!É mesmo por serem aves especializadas em rapina rápida e sumária.(Não compare o incomparável porque é impróprio da sua inteligência) Bjs:)

Ana Cristina Leonardo disse...

João, há muito tempo que não vejo a lourdes (mas vou deixar mensagem lá no tasco dela)
Quanto ao resto, não gosto de diabolizações étnicas; como diria o Almirante, é uma coisa que me chateia (e isto não tem nada, mas mesmo nada que ver, com o politicamente correcto)

David Ribeiro disse...

Pois é!... Mas se fizerem um plebiscito aqui em Portugal, verão que uma maioria esmagadora é da opinião que também devemos correr com esses mendigos (ciganos) oriundos da Roménia e da Bulgária. É que já ninguém os aguenta… e antes que haja actos xenófobos de que nos venhamos futuramente a envergonhar, é tempo de ter atenção e legislar correctamente sobre a liberdade de circulação na União Europeia.

fallorca disse...

Leoparda, apanhámos uma molha-tolos (simbólica) entre o passadiço d'A Brasileira e o café Orfeu, ao Princípe Real, mas a Lurdettes não atinou com o gravador (a mim pareceu-me um telemóvel) e a famigerada entrevista foi adiada.
Obviamente, não te dissemos nada para não te resfriares e tentares dar a palmada, à cigana, ao «rigoroso exclusivo».
Mói-te e aduelemos :)

N. disse...

mas parece-me que não serão só ciganitos, serão tb portuguesitos.