29/01/10

A perfect day for bananafish

Morreu J.D.Salinger (1-1-1919/28-1-2009), o escritor que de si próprio disse: "I am a kind of paranoid in reverse. I suspect people of plotting to make me happy."
A propósito: "A Perfect Day for Bananafish", originalmente publicado em 1948 e incluído no seu livro Nine Stories (com tradução em português), é um dos contos mais perfeitos do mundo.

5 comentários:

Carlos Azevedo disse...

É. Cheguei a ele há uns bons anos, graças a uma crónica da Clara Ferreira Alves. Fica aqui o link: http://www.freeweb.hu/tchl/salinger/perfectday.html

sem-se-ver disse...

ri-me: que delicia de citação.

Ana Cristina Leonardo disse...

Carlos, por acaso a minha primeira recensão crítica no Expresso, à qual se seguiriam uns anos de intervalo, foi a um livro do Salinger
sem-se-ver, na realidade a citação é de uma personagem do Salinger, mas não é difícil imaginar que o autor falava de si próprio

Carlos Azevedo disse...

Já agora, qual foi o livro?

Ana Cristina Leonardo disse...

Carlos, se a memória não me falha, e acho que não, foi o Carpinteiros, Levantai Alto o Pau de Fileira Seguido de Seymour: Uma Introdução.