10/08/09

Será que elas vão todas ao mesmo cabeleireiro mas só uma é que é morena? [pergunta actualizada]

15 comentários:

N. disse...

ah! que assombroso quinteto...

João Lisboa disse...

Esqueceste-te da Judite... estragava a simetria mas, por outro lado, enriquecia o painel.

Ana Cristina Leonardo disse...

tens toda a razão, amanhã ainda refaço o quinteto

cláudia disse...

variações sobre o testamento da lady di.

João Lisboa disse...

Ah bom...

Ana Cristina Leonardo disse...

brincamos, não?

fallorca disse...

Fónix, é catálogo ou aviso "Procura-se"?

Ana Cristina Leonardo disse...

fallorca, tem cuidado que quem procura sempre encontra

fallorca disse...

Só cá faltava o sr. Tony de Matos: «Procuro, mas nãooooooo encontroooo / procuro, nãooooooooooo sei o quê / dizem práiiiiiiiiiii... etc e tal»

Ana Cristina Leonardo disse...

Fallorca, já que falas no Tony... esse tb. tinha um penteado jeitoso

Anónimo disse...

estes comentários têm a sua laracha sobretudo vindos de quem vêm. O Lisboa, conhecido soixante huitard attardá do balcão do Califa... olha que giro. Quanto à Maldonado, no dia em que publicar aqui a sua fotografia (não retocada) com o penteadinho que Deus lhe deu e ela aperfeiçoa... creio que alguns que andam aqui ao engano se desenganam e...

Meta-se com meninas da sua idade e sobretudo que se vistam e penteiam (?!) como a menina.

Boa nôte

Ana Cristina Leonardo disse...

que se vistam e penteiEm...
mesmo os idiotas deviam fazer um esforço para conjugar bem os verbos

Anónimo disse...

Ana Cristina picou-se e foi direta ao erro de ortografia. Fez bem. Mas a essência mantêiem-se. Então a menina corta nos cortes das outras e deixa o povo pendurado à espera de vermos o seu lindo cabelo e a sua esbelta figura? E Lisboa, esse grande vulto da cultura portuguesa, sempre às voltas com as camisas por engomar, as calças cinzentas, uma beleza! E o cabelo, sempre o cabelo num corte que nada fica a dever ao da Judite mas em menos volumoso.
Ana Cristina picou-se e muito bem picada.
Venham de lá essas imagens para a malta comparar e assobiar... ou não.

Bouas Nôutes!

Ana Cristina Leonardo disse...

directa
mantém-se

Anónimo disse...

querida ana cristina lionardo,

é o meu filho Jaime, iletrádo, canalha e canalizador mas apenas quando eu o óbrigo que lhe anda a escrever estes mentários que ofendem o senhor Lisboa não que eu seja empregado de balcao do califa que é uma pastelaria onde o vemos habitualmente, em pé a ler o Público enquanto bebe o leite vigor e, de quando em vez, passa as mãos nas calças para limpar odos dedos das gorduras e açucares e o meu filho que até é pesssoa muito assiada diz olha, pai, lá está ele. A senhora continue força de vento em poupa, não ligue ao tolo do grego que sendo rapas, adónis, tem as mesmas menias querida ana critinha leunardo no queeu lhe digo sempre filho, não é por sermos mais ou menos bonitos ou irmos ao mais ou menos cabeleireiro que semos nada ou mais ou menos coisa alguma. a querida ana cristina vai perdoar o jagode que nem attardé me soube escrever, o filho da grande puta que é como agora nos falamos já que vimos que na blogosfera se falam todos assim.

cumprimentos e beijinhos
do Jerónimo, pai do filho da outra