20/02/09

The Hound of the Monteirovilles ou se isto não é um manicómio eu não sou filha da minha mãe

Não sei se é do Carnaval, mas no site do JN garante-se que não é piada.
Limito-me a transcrever... e, a ser verdade, que alguém tenha piedade de nós!

«Do advogado de Júlio Monteiro, Sá Leão, o JN recebeu o seguinte comunicado que transcrevemos na íntegra:
"Freeport Napoleão, o Bulldog francês do engº Júlio Monteiro foi encontrado, Finalmente há resultados no caso Freeport. O apelo feito na TV, no final do depoimento do Engº Júlio Monteiro, para que fosse encontrado o seu bulldog francês foi ouvido. Cerca das 23h de ontem, o cachorro voltou a casa. Nesta tristíssima cabala, divertida e ridícula, não fosse o caso de, em especial, se pretender atingir a honra do Primeiro-Ministro de Portugal e de transformar este país num lugar frequentado por corruptos, finalmente temos um resultado feliz e que se espera tenha deixado o país quase tranquilo. O bulldog francês do Engº Júlio Monteiro regressou a casa e vai, com certeza, colaborar nas investigações".
O comunicado foi enviado por fax e tem origem na sociedade de advogados NGS - Leão e Associados. O próprio advogado Sá Leão confirmou ao JN o envio do mesmo.»

[e quanto mais olho para a cara do homem (ao centro, na foto, rodeado pelos advogados), cada vez mais me convenço que ele é lelé da cuca]

9 comentários:

manuel disse...

ah ah! E ainda tu não sabes quem é o verdadeiro Sá Leão.

Ana Cristina Leonardo disse...

Por amor de deus! manuel, eu hoje já ia tendo várias paragens cardíacas... (este país é uma excitação permanente)

João Lisboa disse...

http://dn.sapo.pt/2008/10/31/sociedade/como_pornografo_cinco_euros.html

Por acaso, o sotôr Sá Leão (do tio do coiso) tem o seu escritório mesmo ao lado da pastelaria onde decorrem as minhas meditações.

Ana Cristina Leonardo disse...

as coisas que vós sabeis (refiro-me à verdadeira identidade do Leão)

Anónimo disse...

Esta é o tipo de coisas que me lembram porque é que evito sair à rua.

Aurea Mediocritas

Ana Cristina Leonardo disse...

a gente pode até nem sair, mas há sempre o dia em que eles nos entram casa dentro sem pedir licença. essa é que é a GRANDE merda.

Anónimo disse...

"GRANDE merda" Wouldn't say it better myself.
De qualquer acho que um certo alheamento a este tipo de coisas é importante para irmos retendo o que nos resta de saúde mental.

Aurea Mediocritas

Ana Sofia Couto disse...

Ontem no "eixo do mal" fizeram um resumo das peripécias em que o dito senhor e o seu cão (o Napoleão...) estiveram envolvidos. Bom, é caso para dizer como a Carla do Bomba Inteligente: há pessoas que não existem mesmo (para além dos japoneses).

Ana Cristina Leonardo disse...

Aurea Mediocritas, também por isso é que saí de casa para ir ouvir o Vila-Matas
Ana, existem existem, e pelos vistos até têm cães de estimação