01/08/08

Depois não estranhem se, daqui a uns anos, andarem em busca da Esmeralda perdida

Se a Esmeralda sobreviver a este circo, deveria, chegada a idade adulta, processar a justiça portuguesa. A última notícia que li sobre o seu caso rezava assim: Sargento Luís Gomes [agora sempre acompanhado do irritante epíteto de «pai afectivo»], dá autógrafos em feira de enchidos (...).
Está tudo dito.

9 comentários:

menina alice disse...

:D:D:D:D:D:D:D

O sargento a dar autógrafos em feira de enchidos vai ficar a imagem do dia para mim. Acalentar-me-à a leitura aborrecida de que estou encarregue e estas horas prévias ao regresso a férias.

manuel disse...

Não percebi muito bem. Compra-se um enchido, uma morcela ou assim, e ele assina a morcela?

Anónimo disse...

Esmeralda!! Maddie II??
Não há pachorra, please.

Anónimo disse...

É o sargento e o inspector reformado - tudo dá autógrafos!
Anónimo I

fallorca disse...

Não há coisa que mais me chateei, que entrar nesta primorosa partelaria e ler: 2 online, e ninguém responder aos meus cumprimentos.
Tá mal...

Ana Cristina Leonardo disse...

Fallorca, não seja por isso...

Cristina GS disse...

Ó Ana Cristina, eu sei que o país em geral anda um bocadito por baixo, tem horizontes curtos, etc., mas olhe que a imprensa que promove/divulga tais eventos também não deixa muito a desejar, não lhe parece?

Ana Cristina Leonardo disse...

a imprensa que promove/divulga tais eventos também não deixa muito a desejar, não lhe parece?

também deixa, também deixa

Cristina GS disse...

Obrigada pela correcção :) é claro que deixa muito a desejar!