06/06/14

O Estado das Artes.


9 comentários:

alexandra g. disse...

Esta gaja acorda em mim toda a violência que tão bem aprendi a controlar. É esta gaja e a professora de Filosofia da minha filha (ontem mesmo, no café, estive prestes a arrancar o extintor da parede para lhe dar com ele cachaço abaixo; vinguei-me passivamente criando uma graça que partilho: diz que o monstro do Loch Ness não foi avistado em 2013 - estava a caminho desta santa terrinha :)

Maria Eu disse...

Diz ca Irina bai drumir coa camisolita da sinhora anafada que faz caroché! :P

e soares disse...

Cada povo tem os "artistas" que merece. Quando tudo é iniciativa privada e negócio qualquer m**** se vende e qualquer m**** se prontifica a ser vendida. Aí está !!!

F.A. disse...

É uma artista de peso.
Está na moda.
Bem relacionada.
Aproveita muito bem a onda (até comprou um cacilheiro) e vende caro.
Inteligente e esperta.
Nihil obstat.

luis reis disse...

Ai é? Ela consegue dar aulinhas d de filosofia,depois de dar nas agulhas?Trabalhadora é a moça...
"inteligente e esperta","esperta e inteligente"?Pois...

Anónimo disse...

Para mim é um mistério o sucesso desta gaja.
Tirando aquele sapato feito de panelas (e mesmo esse já cansa), tudo o resto é um imenso e caótico arraial de parolada sem jeito e sem graça.

joão viegas disse...

Este é que é o famoso Cristiano Ronaldo ! Safa, não o imaginava nada assim.

Boas

Eu-Cigs.com disse...

Thanks! Eu-Cigs.Com

Anónimo disse...

Não considero a Joana Vasconcelos uma artista. Ela é, antes, especialista em marketing.
Provavelmente é ela quem esboça as peças, mas depois manda operários fazerem-nas. Não estou a imaginar a Joana a fazer a renda que aparece nas peças que vende por milhões. Ela é uma artista de fazer dinheiro.
Nunca ouviram que «com papas e bolos se enganam os tolos»?! Sempre que ouço no telejornal publicidade às "fantásticas" obras de Joana Vasconcelos, lembro-me logo da história infantil "o rei vai nu".
Abraço aos leitores do blog