14/04/12

Corrente "Passos Coelho ama-te" — envia a 10 pessoas e verás que pelos 9 vão mandar-te à merda*


Abaixo a lista dos incréus a quem envio a corrente. Lêde e multiplicai!

João Lisboa (Provas de Contacto)
Luís Januário (A Natureza do Mal)
Morgada de V. (5 Dias)
José Simões (Der Terrorist)
Sérgio Lavos (Arrastão)
Luís Rainha (Vias de Facto)
Luís M. Jorge (Vida Breve)
(????) (ShavenPudenda)

* Corrente iniciada com retumbante êxito no caradelivro por Leonilde Santos

11 comentários:

MCS disse...

Eu acorrentava este esterco do coelho a um bloco de cimento de 500 kg e atirava-o à Fossa das Marianas.

Ana Cristina Leonardo disse...

espero que isso não seja uma desculpa para interromper a corrente

Carlos Azevedo disse...

Marco, acho que não é necessário desperdiçar tal quantidade de cimento. Além da criatura não ser de grande dimensão, temos a crise e coisa e tal. Assim como assim, continuo a defender a guilhotina, mas toda a gente considera o método excessivamente violento...

Carlos Azevedo disse...

(é um dos meios mais económicos para acabar com esta gente -- um ponto em que até o Gaspar, se conseguisse exprimir-se antes da cabeça rolar, concordaria comigo)

MCS disse...

Tens razão, Carlos, a guilhotina é mais eficaz. E bastava uma lâmina para todo o serviço.
Olha, acabaste de ser acorrentado ;-)

Ana, eu fique ceguinho se quebrar a corrente. Olha, o Sansão quebrou-as e deu-se bem. Quer dizer, deu não deu? Acho que me esqueci do final da história.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Ah, ah, ah!
Posso roubar?

mjm disse...

já me devolveram 9 merdas...ahahahah...da minha parte a corrente continua com sucesso!

Luís disse...

Ana, confirmo inteiramente.

henriquedoria disse...

pode manar também para o odisseus para eu o poder mandar à merda, ou, como se diz na minha terra, LAMBER A MERDA DAS CHEDAS.

luis reis disse...

Caramba pà,atão não è que deu mesmo resultado?Nunca fui tão rápidamente "ofendido", e logo ao Domingo!!!!Obrigadinho tá?

Ana Cristina Leonardo disse...

A todos vós, que tendes espalhado a palavra, um bem hajam!