10/03/08

100 mil manifestantes é muita gente e as preposições são o que são

«Não posso recuar naquilo em que acredito e em que estou absolutamente convencido.» A frase é pomposa e seria de efeito, não fora o erro nas preposições. Proferiu-a o engenheiro técnico José Sócrates, que fala mal português certamente por não ter tido professor à altura...
Pela parte que me toca, deu-me um jeitão do caraças. Andava há que tempos para postar esta citação roubada ao Homem que Sabia Demasiado: «O despotismo impressiona pela estupidez do estilo», Henri Beyle ou, melhor dizendo, Stendhal.

5 comentários:

Araras & Avestruzes disse...

Já agora, a Ministra também só há pouco começou a conjugar os verbos.

manuel disse...

Este mau português não tem graça. Já o Santana tinha graça: ouvia os concertos para violino do Chopin e chamava a bófia quando recebia livros do Alface.

Santana ao poder já!

João Lisboa disse...

São interferências do "inglês técnico". Só pode.

Também me lembro de, numa entrevista, há algum tempo, a Milu falar repetidamente do problema do "abZentismo" e dos "abZentistas". Apesar de a falante ser ela - logo, má referência -, conseguiu deixar-me na dúvida que não cheguei a esclarecer... mas como ela, na mesma entrevista, também não se cansou de dizer que era necessário "conectar" e "desconectar" uma série de coisas, pareceu-me que, de uma forma retorcidamente abstrusa, tudo parecia fazer sentido.

Noutro debate, há semanas, estava sentado ao lado da Miluzinha o célebre prof. dr. "dizeria", assim conhecido, por, em tempos e em público, se ter saído com essa pérola. É uma sumidade das "ciências" da educação.

-pirata-vermelho- disse...

É isso... impressiona pela grosseria petulante.

Ana Cristina Leonardo disse...

-pitara-vermelho, tem andado pelos mares do Sul? Há muito tempo que não vinha à Pastelaria...