09/07/07

Um grafismo e peras

Não li o livro, mas só a capa... Uma capa verdadeiramente excelente, esta, da Tinta da China Edições. O que não é de somenos, quando nas livrarias é o horror que domina e nos domina

8 comentários:

susana disse...

hélas! a nossa polémica. não gosto das manchas com o autor e título.

ana cristina leonardo disse...

Como assim???!!! De momento é tudo o que ocorre para manter esta polémica acesa...

susana disse...

as duas formas geométricas verticais, mesmo na cor do fundo, são sóbrias e têm graça, com o efeito de modelação óptica volumétrica.
as manchas de texto são elementares, no desvio da ortogonalidade meio de esguelha. e cortam o que tem mais interesse, formalmente, fazendo um «H» que suponho não venha ao caso. não falando nas cores, o verde com o amarelo... (mas esta parte cromática é já muito subjectiva, de gosto pessoal.)

ana cristina leonardo disse...

Susana, vamos então à polémica, nhac! nhac! nhac! Do meu ponto de vista as torres estão bem cortadas, à medida certa e até a esguelha lhes saiu bem (e o lettring foi arriscado com a combinação dos 2 tipos de letra, principalmente o itálico, tão difícil). Não é exactamente um H, mas olhe que o H até é uma letra bem elegante, não acha? Não me parece que cortem aleatoriamente a vertical, já que ao cortá-la nos chamam a atenção para ela. Quanto às cores, não sendo fã do amarelo e verde combinados, gosto pelo facto de todos os tons escolhidos serem bem secos. Conclusão: acho que é uma boa capa que cumpre a função e tem a ver com o conteúdo do livro. Mas eu não sou gráfica, sou apenas uma leitora de livros. E se forem bonitos, tanto melhor.

susana disse...

concordo com as torres. não tenho nada contra ao desvio da ortogonalidade, pelo contrário. como dizia eduardo chillida, entre os 87 e os 93 graus há ângulos bem mais interessantes que o ângulo recto. a inclinação das ditas seria valorizada se, por exemplo, autor e título estivessem dentro da mesma mancha, a azul, e esta fosse horizontal (tensões compositivas). a mancha azul resulta melhor, porque não chega a cortar as formas verticais.

susana disse...

errata: «contra o».

ana cristina leonardo disse...

A mancha azul joga bem com o amarelo e o verde. Gosto da frase que citas sobre o ângulo recto. Mas o que me parece é que esta polémica vai fraquinha, ahn? Estaremos assim tão em desacordo? Hélas! Suponho que vamos ter de esperar por outra oportunidade para uma polémica a sério. Porque isto sem bengaladas não tem graça. eh! eh! eh!

susana disse...

sim, uma polémica tão tonta. enfim, digna da silly season, afinal de contas... :-)